Equipment

Se vão da lei da morte libertando

Close
Se vão da lei da morte libertando
  Municipal

Luís Vieira Baptista, Júlio Quaresma e Velhô, (Grupo Visionista), executaram esta peça no âmbito da 1ª Exposição Visionista de Artes Plásticas realizada no Convento das Bernardas, em 1991, tendo por base a obra épica de Os Lusíadas. Esta escultura evidencia na sua forma o elogio ao povo português consubstanciado na narrativa poética de Camões. Com 3,5m de altura foi concebida com o recurso a dois materiais, ferro metalizado pintado e pedra mármore, os quais se articulam muito bem jogando com a paleta cromática do branco pétreo e do vermelho e verde do metal. Estamos na presença de uma estrutura geométrica aberta com referência aos mastros, à Mezena triangular das naus, e ao pêndulo/bússula, símbolos do conhecimento técnico e da ciência que permitiram a navegação. Em termos alegóricos, os cilindros em pedra simbolizam a inscrição portuguesa que ergueu padrões sempre que a nau aportava em novas terras. Por iniciativa camarária foi inaugurada, em 3 de Setembro de 1991, junto à Estação de Metro do Alto dos Moinhos.

Escultor - Luís Vieira Baptista e Júlio Quaresma e Velhô. Data - 1991. Material - Pedra e ferro. Estilo - Abstracto.

Location

Rua João de Freitas Branco, (junto à Estação de Metro do Alto dos Moinhos)
Lisboa

Region: São Domingos de Benfica

Coordenates: 
Date of update:
2019