Igreja de Santiago

Fechar
Igreja de Santiago
Igreja de Santiago
Igreja de Santiago


Fundada no séc. XII, segundo alguns autores, e objecto de modificações entre os sécs. XVI e XVIII, foi quase totalmente reedificada, a partir de 1773, em virtude de danos causados pelo terramoto, aproveitando alguns elementos construtivos anteriores, nomeadamente o pórtico maneirista de acesso à capela de Nossa Senhora-a-Franca. Classificada como Imóvel de Interesse Público, apresenta fachada, de linhas simples, rasgada por portal emoldurado a cantaria, coroado por frontão triangular, cujo tímpano apresenta um baixo relevo dos atributos de S. Tiago, orago do templo, e por janelão sobreposto, a qual surge rematada por frontão em arco contracurvado, decorado com aletas. Adossada ao lado direito ergue-se uma torre sineira, coroada por coruchéu. No interior, de nave única, destacam-se a talha joanina, o património azulejar oitocentista e várias telas.

 

Localização

Rua de Santiago, Igreja; Travessa de Santa Luzia, 3; Largo do Contador-Mor, Janelas
Lisboa

Freguesia: Santa Maria Maior

Coordenadas: 
Data de actualização:
2018