Quinta dos Lagares d'El Rei

Fechar
Quinta dos Lagares d'El Rei
Quinta dos Lagares d'El Rei
Quinta dos Lagares d'El Rei


A sua origem remonta possivelmente ao séc. XIII ou séc. XIV. Em 1673, a quinta foi dividida em courelas, com exceção da horta e dos terrenos junto aos lagares. Estes teriam sido arrasados por volta de 1684, tendo-se, com os seus materiais, construído uma casa de veraneio. O solar, que ainda hoje se conserva, data portanto do século XVII, tendo sido objeto de obras no final do século XVIII, altura em que o 1º conde de Almada edificou a ala nobre da residência, introduzindo igualmente melhoramentos nos jardins. A quinta é acessível por amplo portão de ferro forjado, aberto para o pátio de terra batida, ajardinado e arborizado, no centro do qual existe um chafariz oriundo do Palácio dos Condes de Almada, ao Rossio. Na fachada principal destacam-se as armas dos Almada, colocadas entre dois janelões do piso nobre. O interior do palácio inclui algum recheio artístico de qualidade, como pinturas de Carlos Reis, um oratório dedicado a São Lourenço, decorado com um rodapé de azulejos de estampilha, um retábulo decorado em trompe-l'oeil e uma tábua seiscentista representando o martírio do Santo. Destaca-se a construção das quatro chaminés em 1936. Os anexos incluem cavalariças, adega, celeiro, forno e casa de caseiros. Encontra-se classificado como Imóvel de interesse público.

Localização

Rua Moura Girão, 2-2A; Rua Moura Girão, 2B-2G
Lisboa

Freguesia: Alvalade

Coordenadas: 
Data de actualização:
2019