Exposição Lojas com História

  • exposição lojas com história
    exposição lojas com história
Array
01 
de janeiro de 1970

Foi inaugurada, no dia 7 de setembro, num espaço do Fundo de Pensões do Banco de Portugal na Rua do Crucifixo 7 (esquina com a Rua da Conceição 134) a exposição Lojas com História, dando visibilidade ao espólio patrimonial dos 82 estabelecimentos comerciais distinguidos por este programa municipal que visa promover o comércio tradicional e de excelência da cidade. São casas que se destacam pela sua antiguidade, características únicas, valor histórico, artístico e cultural.

No ato inaugural, que contou também com as presenças do vice presidente da CML, Duarte Cordeiro, e do vereador José Sá Fernandes, a vereadora do pelouro da Cultura, Catarina Vaz Pinto, sublinhou o caráter transversal deste programa a diversas áreas de atuação municipal (cultura, economia e urbanismo), num "esforço de preservação desta dimensão identitária de Lisboa". A autarca destacou esta iniciativa como sendo uma das várias que pretendem contribuir para o reconhecimento e salvaguarda deste comércio, para além de um fundo de apoio à renovação e conservação dos estabelecimentos, atividades de animação e divulgação, um site (www.lojascomhistoria.pt) e, posteriormente, um livro.

Na ocasião, Catarina Vaz Pinto agradeceu a atividade desenvolvida pelo grupo de trabalho que, ao longo dos últimos três anos, permitiu alcançar esta realização, e às associações de comerciantes envolvidas, bem como ao Banco de Portugal pela cedência do espaço para a exposição.

Miguel Marques dos Santos, curador da exposição e membro do grupo de trabalho Lojas com História desde os seus momentos iniciais, apresentou o modelo expositivo (por ramos de atividade comercial) que se estende por dois pisos do edifício, revelando, loja a loja, os 82 estabelecimentos distinguidos com fotografias, texto informativo e, sobretudo, objetos que espelham a atividade destas casas (produtos comercializados, rótulos, reclamos, instrumentos, etc.). Para o brilho e riqueza do conteúdo da exposição muito contribuiu, naturalmente, a colaboração dos lojistas, a quem o curador não deixou de agradecer.

A exposição estará patente nas instalações do Fundo de Pensões do Banco de Portugal, na Rua da Conceição 134 / Rua do Crucifixo 7, de terça a sábado, das 12h00 às 18h30, até 31 de dezembro.