"Mário" | História de um Bailarino no Estado Novo

08 de agosto
 a 01 de setembro

Monólogo musical e história ficcionada a partir duma notícia do jornal O Público, “O Estado Novo dizia que não havia homossexuais, mas perseguia-os”, publicada a 17 de Julho de 2007 e assinada por São José Almeida.

A história do bailarino Valentim de Barros, um original de Fernando Heitor livremente inspirado na vida do bailarino homossexual, perseguido e internado numa instituição psiquiátrica durante o salazarismo.

Fernando Heitor | texto e encenação
Flávio Gil | interpretação

5ªf a sáb. | 19h


Opens external link in new window+info