Freguesia de Santo António

A Freguesia de Santo António resulta da agregação de três freguesias lisboetas: S. José, Coração de Jesus e São Mamede. Este agrupamento de freguesias advém da reorganização administrativa da cidade de Lisboa, que ocorreu em Novembro de 2012. No entanto, a história destas freguesias tem um início bem mais remoto.

No final do século XII, e sob a autoridade do Bispado de Lisboa, surgem na capital as dez primeiras freguesias (terreno delimitado, na cidade ou no campo, em que habitavam indivíduos que seguiam o mesmo culto, tendo como ponto principal o templo ou a igreja matriz). Em 1247, nasce São Mamede, famosa por albergar o Jardim Botânico de Lisboa e o Edifício da Imprensa Nacional. É a mais antiga das freguesias que hoje formam a de Santo António.

No século XVI, extinguem-se as comunas judaicas e a mouraria de Lisboa. Simultaneamente, as conquistas, a navegação e o comércio marítimo trazem mais riqueza ao reino. Um aumento da população traz a necessidade de criar mais freguesias. Doze novas paróquias surgem assim em Novembro de 1567. Entre elas, a freguesia de S. José, que se destaca por hospedar locais como o Parque Mayer, a Avenida da Liberdade e o Cinema Tivoli.

Santo António é o limite administrativo resultante da união das freguesias de São José, Coração de Jesus e São Mamede. 

Notícias

Set 30, 2017

Noite Europeia dos Investigadores

A Noite Europeia dos Investigadores - iniciativa que, por toda a Europa, pretende levar o... saber mais...

Jun 01, 2017

Feira do Livro de Lisboa assinala 87 edições

De 1 a 18 de junho, o Parque Eduardo VII recebe a 87ª edição da Feira do Livro de Lisboa, "a maior... saber mais...

Eventos

Dez 06, 2017

Condicionamento de trânsito – Rua do Salitre

Devido a trabalhos de cargas e descargas / betonagens na Rua do Salitre, aquela artéria da... saber mais...

Dez 06, 2017

Condicionamento de trânsito – Rua do Salitre

Devido a trabalhos de betonagens na Rua do Salitre, aquela artéria da freguesia de Santo António... saber mais...