Cultura e Lazer

Programa Descola torna Lisboa numa grande escola

13, Setembro 2018

Sair da escola para conhecer a cidade, a sua história, os seus monumentos e o seu património, através de visitas a equipamentos culturais é um projeto desenvolvido pela CML dirigido a professores e alunos de todos os níveis. O programa é disponibilizado a todos as escolas do concelho e envolve cerca de 80 projetos que acontecem em 39 equipamentos culturais da cidade em parceria com a Direção Municipal de Cultura e a EGEAC. 

Em declarações à agência Lusa, a vereadora da cultura, Catarina Vaz Pinto afirmou: "O que nós queremos fazer é responder ao desafio colocado pelo perfil do aluno do século XXI e pelas novas abordagens da educação no sentido da autonomia e flexibilidade curricular". Pretende-se assim alcançar “uma visão mais humanista da educação, uma educação virada para a cidadania, que fomente competências transversais, como sejam o espírito crítico, a capacidade estética e artística, a capacidade de trabalho em equipa, de iniciativa, tudo competências transversais que a partir das artes e da cultura podem ser muito facilmente trabalhadas" disse Catarina Vaz Pinto acrescentando: "A nossa cidade de Lisboa é um museu aberto, uma fonte inesgotável de possibilidades de construção de outras formas de olhar o currículo. No fundo, é trabalhar todos os conteúdos curriculares a partir do património existente na cidade, mas também com a contemporaneidade de artistas, como o Vasco Araújo". 

Entre os equipamentos parceiros incluem-se a rede municipal de bibliotecas, a Casa Fernando Pessoa, os arquivos municipais, o Centro de Arqueologia, o Castelo de São Jorge, o Cinema de S. Jorge, o S. Luiz Teatro Municipal, o Padrão dos Descobrimentos, museus, entre outros. 

O programa conta ainda com outras parcerias como o “Monstrinha” e o “Play”. 

Saiba mais aqui

Com Lusa

Mais notícias sobre:
Cultura e Lazer