Câmara Municipal e operadores turísticos reduzem produção de lixo

25, Abril 2019
Durante seis meses, a implementação de várias medidas no âmbito do projeto europeu Urban Waste contribuiu para a redução significativa do desperdício alimentar.

Decorreu nos Paços do Concelho, em 23 de abril, o quinto e último encontro da comunidade Urban Waste em Lisboa, um projeto europeu que visa prevenir, sensibilizar e reduzir a produção de lixo em cidades com elevados níveis turísticos. O balanço é francamente positivo, afirmam os organizadores.

A execução do projeto no terreno decorreu ao longo de seis meses e envolveu oito entidades, que contribuíram a redução significativa das emissões de CO2 através da prevenção do desperdício alimentar em mais de 1 300 quilos e  pelo uso de dispensadores reutilizáveis, em alternativa aos plásticos descartáveis. “O que será possível se todos contribuirmos?”, foi questionado no encontro.

Os dados partilhados permitiram concluir que todos os participantes ultrapassaram os objetivos a que se tinham proposto, no final decorreu ainda um debate em torno dos desafios e oportunidades que se abriram com a implementação do projeto. O balanço é positivo e os parceiros pretendem mudar procedimentos em prol da sustentabilidade.

O Urban Waste junta cidades de 12 países europeus e quase três dezenas de organizações relevantes na gestão dos resíduos. Em Lisboa foi criado um cluster em que participam, para além da autarquia, a Associação de Hotelaria de Portugal, o Altis Avenida Hotel, o Neya Lisboa Hotel, a Associação de Turismo de Lisboa e pela Sociedade Ponto Verde.

O balanço final do projeto europeu será realizado em 7 e 8 de maio, na cidade belga de Bruxelas.