Mobilidade

Bicicletas partilhadas de Lisboa alcançam números históricos

04, Janeiro 2019
A rede de bicicletas Gira já ultrapassou o milhão de viagens, segundo a EMEL.

As bicicletas partilhadas Gira já efetuaram 1.120.000 viagens e, neste momento existem “19.200 passes anuais ativos, 3.000 passes mensais e 8.800 passes diários vendidos”.

No último balanço, no final de outubro de 2018, a EMEL (Empresa Municipal de Mobilidade e Estacionamento de Lisboa) declarou a disponibilidade de 400 bicicletas e de 74 estações nas zonas do Parque das Nações, Alvalade, Campo Grande, Avenidas Novas, Marquês de Pombal, Avenida da Liberdade, Telheiras, Areeiro, Baixa e frente ribeirinha.

A empresa, apesar de ter procedido a um alargamento da rede em junho, tem a intenção de “avançar com o plano previsto de instalação das Gira, com a maior brevidade” noutros locais da cidade. Estão “planeadas novas instalações na cidade, que representam na sua maioria um aumento de densidade das áreas já servidas, mas também o prolongamento da rede de estações desde Santa Apolónia até ao limite poente do concelho, em Algés”.

Em avaliação estaria também a extensão para as Amoreiras, Avenida Almirante Reis, Olivais e a ligação entre o Campo Grande e o parque dissuasor da Ameixoeira.

Segundo a EMEL, o balanço do primeiro ano da rede Gira é “muito positivo” e “superou as expectativas”.

 

Fonte: Lusa

Mais notícias sobre:
Mobilidade