Cultura e Lazer, Município, Segurança

Bombeiros Sapadores deram Concerto de Fogo no Museu dos Coches

09, Fevereiro 2018
Com uma bomba a vapor do século XIX por companhia a Banda do Regimento Sapadores Bombeiros de Lisboa brindou uma entusiasmada plateia no auditório do novo Museu dos Coches com a magia da música em mais um Concerto de Fogo.

A Banda de Música do Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa (RSB) levou a cabo o Concerto de Fogo 2018, em 8 de fevereiro, no auditório do novo Museu dos Coches. Um momento de beleza musical com que a banda tem presenteado os lisboetas anualmente, para além dos muitos concertos em que participa, que contou na assistência com a vereadora da Cultura, Catarina Vaz Pinto. 

Dirigida pelo Maestro Fernando Ramos, subchefe de 2.ª Classe do RSB, a banda interpretou, junto a uma bomba a vapor do século XIX, temas como Bravura, uma marcha de Valdemar Gomes, membro da banda, A Klezmer Karnival, de Philip Sparke, Againts all Odds, de Phil Collins ou Canção do Mar, de Ferrer Trindade. 

O concerto, que se realiza há alguns anos, destina-se a “promover a imagem do regimento junto da população, trazendo também familiares dos bombeiros e representantes de outras entidades”, explica o comandante do RSB, Pedro Patrício. 

Para “mostrar que os bombeiros têm outras atividades que gostam de partilhar para além do socorro”, especifica. Adiantando, para que não restem dúvidas, que se trata de uma atividade levada a cabo em regime de permanência, pois os membros que integram a banda “são bombeiros que saem à linha, fazem serviço e nos seus tempos livres é que praticam. Têm brio em manter viva a banda do regimento”.  

Criada em 1925, a partir da banda da Sociedade dos Calceteiros Municipais, a Banda do Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa é composta hoje por 29 membros. Para além do orgulho que se percebe sentir, Luís Patrício não esconde uma ambição: “todo o corpo de bombeiros tem uma fanfarra, um terno de trompetes, nós já temos uma banda e quem sabe um dia teremos uma orquestra. Mas para já temos uma banda”.     

Array
Mais notícias sobre:
Cultura e Lazer, Município, Segurança