Município, Segurança

Bombeiros sapadores vice-campeões do mundo recebidos nos Paços do Concelho

06, Novembro 2014

A equipa de desencarceramento do Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa que se sagrou vice-campeã do mundo de Desencarceramento e equipa com melhor evolução a nível mundial no World Rescue Challenge 2014 foi recebida nos Paços do Concelho, no dia 6 de novembro, pelo vereador Carlos Castro, acompanhado pelo segundo comandante do RSB, major Tiago Lopes.

Este campeonato decorreu no Fire Service College em Moreton-in-Marsh, no Reino Unido, entre os dias 9 e 12 de outubro de 2014, e no qual estiveram presentes trinta equipas oriundas das diversas partes do mundo, em representação de quinze países.

Esta participação do RSB foi mais uma demonstração do prestígio da instituição a nível mundial, que culminou com a conquista dos seguintes prémios:

•    Vice- campeã do mundo de desencarceramento em manobra rápida;

•    1.º Lugar, na classificação geral, como a equipa com melhor evolução do mundo.

A equipa do RSB foi constituida pelos seguintes elementos:

•    Bombeiro Sapador - 322 Miguel Duarte, 1ª Companhia (chefe da equipa);

•    Bombeiro Sapador - 331 Fernando Mafra, 1ª Companhia;

•    Bombeiro Sapador – 333 Vítor Gomes, CIE;

•    Bombeiro Sapador - 356 Ricardo Couto, 4ª Companhia;

•    Bombeiro Sapador - 367 Rui Mexia, CIE;

•    Bombeiro Sapador - 498 Diogo Lourenço, CIE.

De acordo com o vereador Carlos Manuel Castro, a organização do próximo World Rescue Challenge em 2015 será realizada em Lisboa, pela Associação Nacional de Salvamento e Desencarceramento em parceria com o Município de Lisboa nos dias 14 a 18 de outubro, no Parque das Nações.

Os resultados obtidos nesta competição internacional  deram assim ainda mais motivos de orgulho e confiança no RSB, por ter excelentes profissionais ao serviço das pessoas e da cidade de Lisboa.

Durante a recepção, vereador, segundo comandante e elementos da equipa foram unânimes na apreciação da distinção recebida: é um incentivo para se "ir mais além" e é a demonstração da evolução das capacidades do Regimento em manobras adequadas que, nas atividades cometidas a estes profissionais no seu dia a dia, lhes são exigidas no desencarceramento de vítimas tendo em vista salvar vidas.



 

 

Mais notícias sobre:
Município, Segurança