Comercio, Município

Colocação das Insígnias Lojas Com História

10, Janeiro 2018
Quatro estabelecimentos carismáticos da cidade de Lisboa, da zona da Avenida da República, receberam hoje, dia 10 de janeiro, as primeiras placas identificativas de Lojas com História. As primeiras a ostentar a distinção foram a Pastelaria Versalhes, a Casa Xangai, o café/restaurante Galeto e a loja de cafés e chás Pérola do Chaimite. O vice-presidente da CML, Duarte Cordeiro, acompanhou o momento de instalação das placas Lojas com História.

Criado pela CML em 2015, o projeto Lojas com História integra-se num programa abrangente que visa promover e salvaguardar o comércio tradicional nas suas dimensões patrimoniais, históricas e culturais. Aproveitando o atual crescimento turístico que tornou Lisboa num destino apelativo, a colocação das placas Lojas com História será também uma forma de dinamizar o comércio local e promover os produtos e a cultura nacionais. 

As quatro primeiras placas foram afixadas nas fachadas de quatro estabelecimentos da Avenida da República na presença de técnicos da CML, tendo Duarte Cordeiro acompanhado os trabalhos e trocado palavras com responsáveis dos estabelecimentos distinguidos que acolheram com entusiasmo esta iniciativa camarária. Esta foi também a oportunidade para os responsáveis poderem dar a conhecer alguns aspetos da sua atividade e dar conta de aspetos da história do estabelecimento.  

A placa em metal escovado recupera o logotipo da iniciativa Lojas com História, desenvolvido pela equipa do Departamento de Design da Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa, e fica afixado em bandeira nas fachadas dos estabelecimentos que fazem parte desta rede, facilitando o reconhecimento por quem se desloca a pé na cidade.

Ao todo são 82 as lojas distinguidas com a distinção Lojas com História encontrando-se algumas em fase de apreciação.

 

Sobre o projeto Lojas com História

O projecto “Lojas com História” foi criado pela CML em Fevereiro de 2015 (aprovado através da Deliberação n.º 99/CM/2015 (Proposta n.º 99/2015) movido por um sentido de urgência na preservação e dinamização deste património, sabendo que nele reside uma parte relevante da identidade e carácter da cidade e que é, ao mesmo tempo, um importante mecanismo social e económico para o seu desenvolvimento.

Após um intenso trabalho de pesquisa documental e de trabalho de campo em Fevereiro de 2016 a CML aprovou os critérios de atribuição da distinção “Lojas com História”, e as competências do grupo de trabalho e do conselho consultivo. pela Deliberação n.º 66/CM/2016 (Proposta n.º 66/2016).

Em julho de 2016 e fevereiro de 2017, sob proposta do Grupo de Trabalho, e depois de ouvido o Conselho Consultivo, a Autarquia aprovou a atribuição da distinção “Lojas com História” a um conjunto de respectivamente 63 e 19 estabelecimentos comerciais, divulgado publicamente nos Boletins Municipais.

De agora em diante, por iniciativa dos comerciantes, proprietários ou sociedade civil, os estabelecimentos poderão candidatar-se à atribuição desta distinção, nos termos do respectivo Regulamento, publicado em Diário da República.

Para apoiar a manutenção e fomento das características genuínas deste importante sector do comércio -“Lojas com História”, a Câmara Municipal de Lisboa criou o Fundo municipal “Lojas com História”, publicado em Diário da República.

Além dos apoios financeiros previstos neste regulamento, a Câmara Municipal de Lisboa promoveu a criação da identidade visual do programa no âmbito da qual foram desenvolvidos suportes promocionais variados como este website e ainda a constituição de uma equipa municipal dedicada aos lojistas.

 

 

Mais notícias sobre:
Comercio, Município