Alvalade, Areeiro, Desporto

Desporto adaptado em foco nas Olisipíadas

07, Março 2015
  • Ginastica e Judo no terceiro fim de semana das Olisipiadas
    Ginastica e Judo no terceiro fim de semana das Olisipiadas
  • Ginastica e Judo no terceiro fim de semana das Olisipiadas
    Ginastica e Judo no terceiro fim de semana das Olisipiadas
  • Ginastica e Judo no terceiro fim de semana das Olisipiadas
    Ginastica e Judo no terceiro fim de semana das Olisipiadas
  • Ginastica e Judo no terceiro fim de semana das Olisipiadas
    Ginastica e Judo no terceiro fim de semana das Olisipiadas
  • Ginastica e Judo no terceiro fim de semana das Olisipiadas
    Ginastica e Judo no terceiro fim de semana das Olisipiadas

O terceiro fim de semana das Olisipíadas foi dedicado à ginástica e ao judo. Cerca de seiscentas crianças na ginástica - no Pavilhão do Complexo Desportivo Municipal do Casal Vistoso, e quatrocentas no judo, incluindo uma classe de especial de desporto adaptado - no Pavilhão do Parque de Jogos 1º de Maio, disseram presente, no dia 7 de março, em mais uma etapa da fase local desta competição, que vai terminar em 31 de maio no Estádio Universitário de Lisboa.

Jorge Máximo, vereador do Desporto da Câmara Municipal recebeu, logo pela manhã, os participantes e familiares, que encheram o Pavilhão do Complexo Desportivo Municipal do Casal Vistoso. Acompanhado por uma antiga glória e Padrinho da modalidade, José Filipe Abreu, e por responsáveis da Federação Portuguesa de Ginástica, a quem agradeceu a “colaboração” neste evento desportivo, o "antigo participante dos Jogos da Cidade", como revelou, manifestou a sua "satisfação por ver aqui tantas meninas e meninos".

Depois do Juramento pela Ética Desportiva - lido por um jovem atleta, do Juramento dos Árbitros e Juízes e do Juramento dos Encarregados de Educação, e da animada presença do Kiko, ao som do Hino dos "Anjos", as provas começaram. Ginástica Para Todos e Ginástica Artística, esta última dividida em masculina (paralelas simétricas/solo/salto) e feminina (solo/saltos/trave), foram as modalidades apresentadas, perante um atento grupo de juízes, também atento à reação do público que enchia as bancadas, presos à exibição das suas jovens estrelas.

A "reação do público", foi, precisamente, um dos muitos requisitos avaliados na vertente da Ginástica Para Todos, e integra o primeiro dos quatro grupos de avaliação usados, de acordo com normas da Federação Internacional de Ginástica: Entretenimento; Impressão Geral; Inovação; Técnica.

À tarde, Telma Monteiro (quatro vezes campeã da Europa) e Nuno Delgado (medalhado nos Jogos Olímpicos de Sidney, em 2000), apadrinharam as centenas de aspirantes a judocas que compareceram no Pavilhão do Parque de Jogos 1º de Maio.

Antes da competição oficial, uma aula do Clube de Judo Total, incluindo atletas cegos, ou com necessidades de saúde especiais, demonstrou aos presentes o produto de um trabalho de persistência e força de vontade. Um trabalho em larga medida graças às famílias, o “grande apoio destes jovens”, como salientou Nuno Delgado.

Esta é uma das “bandeiras das Olisipíadas”, frisou Jorge Máximo, enquanto assistia à demonstração, garantindo o compromisso da Câmara na "promoção do desporto adaptado em Lisboa". Para a Câmara Municipal de Lisboa, disse o vereador, “o desporto é para todos e é inclusivo".

O “vosso código de ética e moral é único” considerou José Oliveira, presidente da Federação Portuguesa de Judo, dirigindo-se aos jovens praticantes, exortando-os a “não desistir de praticar desporto”.

Mais notícias sobre:
Alvalade, Areeiro, Desporto