Intervenção social

E 73 horas depois

07, Dezembro 2014

Ascendia a mais de 320.000 euros o valor recolhido a favor da Cáritas com a ação Toca a Todos, promovida pela RTP, à hora em que os três radialistas davam por finda a maratona de 73 horas de emissão consecutiva feitas a partir de um estúdio de vidro instalado no Terreiro do Paço. Foram muitos os portugueses que por ali passaram, deram o seu contributo e encorajaram Ana Galvão, Diogo Beja e Joana Marques a continuar as horas consecutivas de emissão, sem esmorecerem. Ao longo dos três dias foram também muitas as figuras públicas que passaram pelo estúdio de rádio, foram entrevistadas e deixaram o seu apelo a contribuir. 

Passava já das 21h de sábado dia 6 de dezembro quando o apresentador Jorge Gabriel abriu a porta do cubo de vidro e, ao som do cante alentejano, devolveu a liberdade aos três protagonistas desta ação solidária. Foi com a certeza de “missão cumprida” e com um “enorme agradecimento” a todos os que contribuíram, que foram as primeiras palavras dos três radialistas já fora de portas do estúdio. Acompanhados de Jorge Gabriel, os três subiram num Tuk Tuk que os levou ao palco no extremo oposto da Praça do Comércio, onde receberam um grande aplauso do público presente. 

A animação continuou pela noite dentro com um concerto dos Voice Kids e Daniela Mercury e Raquel Tavares. 

Em palco ficou a promessa de um novo Toca a Todos no ano que vem, desta feita para angariação de fundos na luta contra a violência doméstica. 

Array
Mais notícias sobre:
Intervenção social