Educação, Parque das Nacoes

Escola Básica do Parque das Nações vai receber 900 alunos

23, Abril 2019
Foi assinado esta tarde, em Lisboa, o contrato de empreitada de ampliação da Escola Básica (EB) do Parque das Nações. A obra vai permitir aumentar a capacidade da escola para 900 alunos, do jardim de infância até ao terceiro ciclo do ensino básico.
  • Assinatura do contrato de empreitada de ampliação da Escola Básica do Parque das Nações
    Assinatura do contrato de empreitada de ampliação da Escola Básica do Parque das Nações
  • Assinatura do contrato de empreitada de ampliação da Escola Básica do Parque das Nações
    Assinatura do contrato de empreitada de ampliação da Escola Básica do Parque das Nações
  • Assinatura do contrato de empreitada de ampliação da Escola Básica do Parque das Nações
    Assinatura do contrato de empreitada de ampliação da Escola Básica do Parque das Nações
  • Assinatura do contrato de empreitada de ampliação da Escola Básica do Parque das Nações
    Assinatura do contrato de empreitada de ampliação da Escola Básica do Parque das Nações

O concurso público, que havia sido lançado em fevereiro deste ano, prevê a construção de 23 novos espaços letivos, incluindo salas de informática e de multimédia, dois laboratórios, duas salas de artes, um ginásio e três campos desportivos.

A assinatura contou com a presença do primeiro ministro, António Costa, do ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, e de Fernando Medina, presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Manuel Grilo, vereador da Educação, e Mário Patrício, presidente da Junta de Freguesia do Parque das Nações.

Em maio, adiantou Fernando Medina, será aberto o concurso para uma nova EB, na zona norte do Parque das Nações.

Também o centenário Liceu Camões vai ser alvo de requalificação. As obras deverão estar prontas em 2021, referiu o ministro da Educação.