Município

Esplanadas da Baixa vão ser requalificadas

11, Dezembro 2015
Oito designers vão conceber um novo modelo para as esplanadas e mobiliário urbano da Baixa.

As esplanadas da Baixa e do centro histórico de Lisboa vão ser alvo de uma requalificação profunda. Para isso, a Junta de Freguesia de Santa Maria Maior, com a colaboração da Câmara de Lisboa/MUDE-Museu do Design e da Moda, decidiu desenvolver um concurso de ideias, por convite a oito designers, que vão definir um novo modelo para as esplanadas e mobiliário urbano daquela zona.

O protocolo foi assinado, 11 de dezembro, no MUDE, por Fernando Medina, presidente da autarquia lisboeta, e Miguel Coelho, presidente da junta de Santa Maria Maior.

O objetivo é encontrar soluções que permitam fruir o espaço público ao longo de todo o ano. De igual modo se pretende que seja garantida a unidade do conjunto, sem deixar de permitir uma certa diversidade de esplanadas, que espelhe as diferentes filosofias de cada estabelecimento comercial.

Na sessão, que contou com a presença da vereadora da Cultura, Catarina Vaz Pinto, e da diretora do MUDE, Bárbara Coutinho, o autarca de Santa Maria Maior afirmou que esta situação só é agora possível de concretizar “porque foi feita uma reforma administrativa em Lisboa” que descentralizou “para as juntas de freguesia um conjunto de competências”.

Fernando Medina, por sua vez, afirmou que Lisboa está “a viver um grande momento em termos turísticos e económicos”. Pelo que é preciso “preparar a cidade” para receber mais turistas. E para isso, salientou, “temos que cuidar da cidade e dos seus residentes”, lembrando o conjunto de obras que já foram feitas, que estão a ser feitas e que em breve serão lançadas, como é o caso da requalificação das esplanadas da baixa e centro histórico de Lisboa.

Array
Mais notícias sobre:
Município