Ambiente, Município

Famílias plantam árvores em Lisboa

03, Fevereiro 2018
Lisboa tem a partir de hoje mais árvores.São 350 novos exemplares que tornam a capital mais verde e que foram plantadas pelos munícipes.Uma ação inserida na iniciativa da Câmara Municipal de Lisboa “A sua árvore em Lisboa”, que teve uma vez mais inscrições esgotadas, e que nesta manhã de sábado contou com a participação de muitas famílias. O Presidente da Câmara Municipal de Lisboa deu o exemplo e, em família, também plantou a sua árvore.
  • Famílias plantam árvores em Lisboa
    Famílias plantam árvores em Lisboa

A ação de hoje teve lugar no corredor verde de Monsanto- Parque Eduardo VII onde Fernando Medina, que contou com o apoio de pequenos ajudantes plantou um choupo. Uma das cerca de cem árvores plantadas neste local da cidade pelos mais de 150 munícipes que quiseram deixar a sua marca para as futuras gerações.

“Plantar árvores em Lisboa, com os Lisboetas”, é o que se pretende com esta iniciativa que diz o Presidente da Câmara Municipal de Lisboa que se insere na preocupação da autarquia em contribuir para o combate às alterações climáticas. Mas a arborização da cidade e a criação de zonas de lazer tem, para o Presidente da CML outro objetivo” o mudar a forma como se vive na cidade. Devolver os espaços às pessoas e à fruição pública para convivam e usem a cidade de forma diferente é uma marca essencial do mandato.

À mesma hora, na outra da ponta da cidade, no Parque Urbano do Vale de Chelas, eram plantadas 250 árvores com a ajuda de mais de 350 munícipes.

Acompanhado pelo Vereador da Estrutura Verde e Energia, José Sá Fernandes, o presidente destacou a participação dos lisboetas, aos números de hoje acrescem os mais de 500 munícipes que plantaram 311 árvores no dia 13 e janeiro no Jardim do Campo Grande, Parque Urbano da Belavista Sul e Parque Florestal de Monsanto, todas produzidas nos viveiros da CML, como “ um incentivo para repetir este tipo de iniciativas envolvendo ainda mais famílias, num momento simbólico de confraternização e de encontro”.

Envolvimento do cidadão na estratégia climática da cidade

Na Área Ambiental e Climática, a Câmara Municipal de Lisboa iniciou este mandato com o foco na concretização de um conjunto de objetivos para a qualidade de vida da cidade e dos seus cidadãos. Com a abertura prevista para o ano de 2018 de vários parques públicos de média e grande dimensão, a expansão da rede de corredores verdes atinge atualmente uma dimensão de mais de 2000 ha e chega a toda a cidade. 

Para a sua concretização e manutenção, foram plantadas nos primeiros 100 dias de mandato 3.060 árvores e 26.172 arbustos em espaços verdes e 1.661 árvores em caldeira. Cerca de 500 destas árvores foram com munícipes, envolvendo um total de mais de 700 cidadãos, individualmente, em família, com a sua associação ou clube, a sua turma, grupo religioso, empresa, entre outros.

Array
Mais notícias sobre:
Ambiente, Município