Investir, Município

Fernando Medina: Uniplaces é exemplo do Portugal moderno

08, Março 2016
O presidente da Câmara Municipal de Lisboa afirmou na inauguração oficial da nova sede da Uniplaces que aquela empresa, incubada na Startup Lisboa há quatro anos, é o exemplo do Portugal moderno. Na cerimónia, em que intervieram também o primeiro ministro António Costa e o secretário de Estado da Indústria João Vasconcelos, esteve ainda Graça Fonseca, ex-vereadora da Economia e Inovação na autarquia e atual secretária de Estado Adjunta e da Modernização Administrativa.

A Uniplaces, plataforma online que facilita o arrendamento de alojamentos a estudantes universitários e uma das empresas incubadas na Startup Lisboa com maior sucesso internacional, tem uma nova sede. O espaço, instalado na estação do Rossio, foi inaugurado por Fernando Medina, o primeiro ministro António Costa e o secretario de Estado da Indústria  João Vasconcelos. 

“É verdadeiramente impressionante o percurso desta empresa”, afirmou o presidente da Câmara de Lisboa dirigindo-se aos três jovens fundadores da Uniplaces e lembrando que se trata de um projeto incubado na Startup Lisboa há cerca de quatro anos. Fernando Medina considera ainda que aquela plataforma, hoje com vários polos internacionais e cerca de centena e meia de postos de trabalho criados, é “o exemplo do que há no Portugal moderno e global". 

Um exemplo que, sublinha António Costa, o atual Governo português pretende replicar no país, a coberto de uma estratégia que procura “quebrar barreiras e criar liberdades para que as ideias possam florescer”. Um exemplo que, lembra João Vasconcelos, anterior diretor executivo da Startup Lisboa, se tornou “um símbolo da nova geração de empreendedores.”

Amplo mas com um ambiente acolhedor e moderno, o espaço já está a funcionar e o ambiente jovem é notório, contagiante mesmo. Miguel Amaro, co-fundador da Uniplaces não cabe em si de contente e afirma-se “supersatisfeito” com o percurso. Mas sem mostrar sinais de acomodação: “espero que venham mais quatro anos, e mais quatro e mais quatro, nós queremos crescer e quem sabe venhamos a inaugurar mais escritórios em Lisboa”. A Uniplaces tem dois escritórios, um em Lisboa e um outro em Londres, vão abrir um entre França e Berlim e contam atualmente com 140 trabalhadores, dos quais 125 estão em Lisboa.    

 

Cidade aberta à inovação

A missão da Câmara Municipal de Lisboa é, diz Fernando Medina, continuar a apoiar e promover o desenvolvimento do ecossistema empreendedor na cidade. “Uma cidade que produz recursos humanos qualificados e tem espaços acolhedores para empresas, mas acima de tudo uma cidade aberta à criatividade, à inovação e à inteligência”, sublinha.  

Para Fernando Medina é preciso fomentar “a cultura empreendedora”, que radica na primazia da iniciativa sobre o resultado. Numa sociedade marcada pela valorização do sucesso e a penalização do insucesso, é preciso promover “um discurso positivo” que apoie todos aqueles que querem tentar, diz, afirmando que “podem contar sempre com a Câmara Municipal de Lisboa”. 

A contagem decrescente para o Web Summit já começou e Fernando Medina considera que, para além do grande evento que em novembro juntará milhares de participantes em Lisboa, é preciso conseguir aproveitar “a extraordinária oportunidade de termos acesso à rede de pessoas, empreendedores, empresas e criativos”. Uma “energia positiva” que se abate sobre a capital portuguesa durante os próximos três anos, que para o presidente da Câmara de Lisboa constitui oportunidade única para melhorar a economia da cidade e do país.  

Array
Mais notícias sobre:
Investir, Município