Higiene urbana

Gestão de Resíduos Urbanos em Lisboa premiada pela entidade reguladora

11, Abril 2019
A Câmara Municipal de Lisboa foi premiada com o “Selo de Qualidade do Serviço de Gestão de Resíduos Urbanos”. A distinção foi atribuída pela Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR).
  • Câmara de Lisboa recebe “Selo de Qualidade do Serviço de Gestão de Resíduos Urbanos"
    Câmara de Lisboa recebe “Selo de Qualidade do Serviço de Gestão de Resíduos Urbanos"
  • Câmara de Lisboa recebe “Selo de Qualidade do Serviço de Gestão de Resíduos Urbanos"
    Câmara de Lisboa recebe “Selo de Qualidade do Serviço de Gestão de Resíduos Urbanos"
  • Câmara de Lisboa recebe “Selo de Qualidade do Serviço de Gestão de Resíduos Urbanos"
    Câmara de Lisboa recebe “Selo de Qualidade do Serviço de Gestão de Resíduos Urbanos"

O vereador da Higiene Urbana, Carlos Manuel Castro, recebeu o prémio no encerramento do 13º Fórum Nacional de Resíduos, que teve lugar hoje, na Fundação Oriente, em Lisboa.

A iniciativa da ERSAR, identifica e distingue “casos portugueses de referência relativos à prestação dos serviços de (…) gestão de resíduos urbanos”, tendo em conta a avaliação de parâmetros como reciclagem de resíduos de recolha seletiva, resposta a reclamações e cobertura de gastos.

Estratégia Municipal de Resíduos Sólidos Urbanos

O cumprimento dos objetivos até 2020, em matéria de redução, reutilização e reciclagem, integra o Plano de Ação do Município de Lisboa, em sintonia com o Plano Estratégico para os Resíduos Sólidos Urbanos 2020 (PERSU 2020).

O plano municipal define três objetivos estratégicos "que contribuem diretamente para o cumprimento das metas previstas no PERSU 2020": redução da produção de resíduos; aumento da reciclagem e da qualidade dos materiais; alargamento da rede de centros de receção de resíduos.

O documento foi elaborado em articulação com a Valorsul e aprovado pela Agência Portuguesa do Ambiente, em julho de 2015.

Mais informações aqui

Mais notícias sobre:
Higiene urbana