Investir, Município

Impact Hub Lisbon assinala primeiro aniversário

18, Maio 2018
Está há cerca de um ano em Lisboa e a efeméride foi assinalada nas instalações que ocupa no Museu da Carris, com a participação de Fernando Medina.

É ao mesmo tempo uma incubadora e um espaço de cowork, trata-se de uma rede global de empreendedorismo social presente em cerca de 80 cidades e meia centena de países, ocupa há um ano o antigo refeitório das instalações da Carris em Santo Amaro e o aniversário foi assinalado em festa no dia 18 de maio. O presidente da Câmara Municipal esteve lá, saudou o projeto e enfatizou a importância do empreendedorismo social na resolução de muitos dos problemas com que se confrontam as sociedades contemporâneas. 

O empreendedorismo social tem importância mas não por simpatia, diz Fernando Medina, que considera a sua ação fundamental para a procura de soluções onde “o modelo tradicional de resolução de problemas” numa sociedade complexa dificilmente consegue intervir. 

Trata-se, explica, de encontrar instrumentos para além dos utilizados pela tradicional administração, sobretudo de natureza legislativa e regulamentar. “O que a administração faz, e bem como ninguém faz, é encontrar soluções relativamente únicas para problemas relativamente tipificados, adianta o edil, exemplificando com o sistema de pensões ou o apoio às baixas médicas. Mas numa sociedade complexa como a atual, continua, onde a dimensão dos problemas de sustentabilidade económica, financeira, social e ambiental “são cada vez mais atomizados”, não é possível encontrar soluções universais e gerais. 

É aqui que Fernando Medina exalta a importância do empreendedorismo social. “Ele é para nós essencial para resolver os desafios da sustentabilidade”, diz. 

Lembrando as suas funções de presidente do município de Lisboa e da Área Metropolitana, sublinha que “nós não encontraremos sozinhos as repostas para os problemas com que estamos confrontados e por isso a melhor estratégia que temos é soltar e mobilizar as energias das pessoas”. 

O Impact Hub Lisbon tem capacidade para acolher 150 pessoas e 60 projetos, dividido entre cowork, escritórios privados, salas de reuniões e uma zona para eventos. Assume-se como uma “comunidade global de empreendedores de impacto”, que junta  “criativos, estudantes e educadores, entre outros profissionais interessados em contribuir para uma realidade sustentável do ponto de vista económico, social e ambiental.”

Mais notícias sobre:
Investir, Município