Cultura e Lazer, Município

Lisboa, cidade e futuro em exposição na Praça do Comércio

10, Julho 2018
Futuros de Lisboa é uma mostra de imagens, vídeos, fotografias, documentos, objetos tecnológicos e obras de arte que ocupa dez salas do Torreão Poente e pode ser visitada até 18 de novembro.

Largo Camoes - fotografia Luisa Ferreira trabalhada por Oddschool (peça da exposição)

Num tempo de profundas alterações, Futuros de Lisboa é uma exposição que levanta questões e propõe possibilidades na conjugação de três elementos: Lisboa, Cidade e Futuro. Está patente ao público até 18 de novembro, no Torreão Poente da Praça do Comércio, núcleo do Museu de Lisboa.

Dividida por dois pisos e dez salas, a exposição é comissariada por João Seixas, Manuel Graça Dias e Sofia Guedes Vaz, e conta ainda com reflexões de diversos ensaístas convidados, bem como com a contribuição de vários cidadãos e escolas da cidade que responderam ao desafio do Museu de Lisboa. 

Interrogações 

Mudança e transformação são conceitos marcantes nesta mostra, que não propõe cenários concretos de futuro mas abre uma ampla base de interpelação e interrogação a cada visitante, em várias dimensões: Como se pensa e como se tem pensado o Futuro? Como se pensa e se tem pensado a Cidade? O que se poderá afigurar como mais fundamental na construção de futuros para a cidade de Lisboa?

Através de imagens, vídeos, fotografias, documentos, objetos tecnológicos e obras de arte, a exposição leva-nos numa viagem desde o Futuro ao Longo do Tempo, passando pelo Futuro do Passado, pelas Dificuldades em Prever o Futuro, ao Futuro que Já Cá Está, e até ao Futuro Inevitável, terminando na sala dos Pilares de Lisboa. 

Arquivo

Ecologia, sustentabilidade, inovação, criatividade, coesão e justiça são temas sempre presentes, numa mostra que conta ainda com documentação fotográfica e multimédia das coleções do Museu de Lisboa e de coleções privadas, objetos do quotidiano da vida urbana em Lisboa e materiais relativos a importantes experiências científicas levadas a cabo por universidades de Lisboa, em áreas tão diversas como os sistemas de informação, robótica, energia, ecologia, comunidade e cidadania.

Pode ser visitada até 18 de novembro, de terça a domingo, das 10h às 18h (última entrada 17h30). O custo da entrada são três euros, com descontos disponíveis aqui.

Mais notícias sobre:
Cultura e Lazer, Município