Cultura e Lazer, Santa Maria Maior

Peddy Paper “Pela Calçada”

05, Junho 2018
Peddy Paper ajuda a descobrir centro histórico da cidade, de olhar posto no chão.
  • Peddy Paper “Pela Calçada” no centro histórico
    Peddy Paper “Pela Calçada” no centro histórico
  • Peddy Paper “Pela Calçada” no centro histórico
    Peddy Paper “Pela Calçada” no centro histórico
  • Peddy Paper “Pela Calçada” no centro histórico
    Peddy Paper “Pela Calçada” no centro histórico
  • Peddy Paper “Pela Calçada” no centro histórico
    Peddy Paper “Pela Calçada” no centro histórico

Ainda que a manhã ameaçasse chuvosa, tal não foi obstáculo para os participantes marcarem presença no Rossio para mais uma edição do peddy paper “Pela Calçada”, uma atividade que leva a descobrir Lisboa de olhar posto no chão.

No dia 5 de junho, pelas 9h30, os primeiros participantes juntavam-se na praça do Rossio para mais uma viagem pela calçada de Lisboa. A ideia é ir percorrendo vários percursos da cidade histórica e respondendo às perguntas de um formulário distribuído no local.

Cinco percursos fizeram parte do programa desta manhã todos eles levando os visitantes a descobrir através dos desenhos feitos de pedra, algo mais da história da cidade, do seu património e da sua cultura: os motivos, a história, os detalhes artísticos, as assinaturas dos artistas entre muitas outras curiosidades que fazem parte da vida de Lisboa.

Ao fim de duas horas, com as respostas prontas e muitos passos dados pela calçada os grupos reencontram-se no largo de Camões para verificarem as respostas e saberem um pouco mais da arte dos calceteiros de Lisboa. No final recebem um certificado de participação e saem mais enriquecidos com novas experiências e conhecimento.

Esta atividade, promovida pela Escola de Calceteiros da autarquia, realiza-se regularmente desde 2014 e tem vindo a ter forte procura, no sítio da CML são anunciadas as datas de cada nova atividade e mediante inscrição e confirmação, qualquer interessado ou interessada, a partir dos 18 anos (desde que seja adepto de longas caminhadas) pode fazer a sua inscrição e preparar-se para uma viagem sobre as pedras da calçada.

Para além dos percursos pela zona histórica está prevista para breve a abertura de um peddy paper na zona do Parque das Nações.