Ambiente, Município

Plano de reutilização de água permite poupar 3 milhões de m3 de água potável

08, Julho 2019
Foi apresentado hoje o Plano Estratégico de Reutilização de Água de Lisboa.
  • Plano de reutilização de água permite poupar 3 milhões de m3 de água potável
    Plano de reutilização de água permite poupar 3 milhões de m3 de água potável

O Plano Estratégico de Reutilização de Água de Lisboa, um trabalho conjunto da Câmara Municipal de Lisboa e da empresa Águas do Tejo Atlântico, que vai permitir que até 2025 o município poupe 3 milhões de m3 de água potável (cerca de 75% do consumo atual) e que os grandes consumidores da cidade poupem até 6 milhões de m3.

O plano implica a criação de uma rede de água reciclada, a Água+, saída das 3 ETAR’s de Lisboa, com 55km de extensão.
Esta água não é potável, mas é segura para a rega, lavagem de ruas, criação de lagos ou nos sistemas de refrigeração de indústrias.

Com um investimento municipal na ordem dos 16 milhões de euros, será implementado em 3 fases, até 2025, com o objetivo de ter em toda a cidade uma rede de água reciclada. A 1.ª fase, a implementar até 2020, está já em funcionamento em Alcântara, Frente Ribeirinha e Parque das Nações.

O presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, lembrou que “a poupança da água potável é essencial para o nosso futuro. Reduzir o consumo de água não chega, e este projeto de reutilização de água pode vir a servir as necessidades da cidade, e será com certeza uma bandeira de Lisboa Capital Verde Europeia 2020”.

Mais notícias sobre:
Ambiente, Município