Município, Segurança

Proteção Civil comemora liberdade em segurança

25, Abril 2017
Centenas de crianças e familiares contactaram na manhã do 25 de Abril com agentes de segurança e meios da proteção civil municipal. Uma ação de sensibilização promovida pela Câmara Municipal de Lisboa, que contou com o vereador Carlos Manuel Castro.

Sirenes apitam no Praça do Comércio, os rotativos piscam incessantemente, polícias municipais, polícias florestais, bombeiros sapadores e membros da proteção civil fardados chamam a atenção de quem passa… houve algum acidente? Não, hoje não felizmente. É uma ação de sensibilização com meios e agentes de segurança do município de Lisboa, a assinalar os 43 anos do 25 de Abril. 

Surpresos, turistas e lisboetas não se fizeram rogados e experimentaram os vários equipamentos, conversaram com os agentes de segurança, afagaram os cães e ainda deu tempo para uma volta de segway. 

A maravilha foi sobretudo para as crianças, que adoravam vestir os mini-equipamentos de bombeiros ou polícias e acionar as sirenes. Desenhos também houve, o Tinoni não faltou à chamada. Já o vereador da Segurança e Proteção Civil, Carlos Manuel Castro, aproveitou para conversar com os agentes de segurança e várias crianças, chegando mesmo a explicar o funcionamento de uma agulheta.  

Até um par de noivos quis experimentar a segway e, para que o nó ficasse bem dado, a “prisão” foi selada com as respetivas algemas policiais. Simbolicamente, claro, e entre muitos sorrisos, não fosse este o Dia da Liberdade.

Ao lado, na Praça do Município, ecoavam canções revolucionárias a assinalar a abertura dos Paços do Concelho a visitas da população, num dia em que Lisboa homenageou também José Afonso com uma estátua. Aos Restauradores chegavam os "atletas da liberdade", numa cidade que não esquece Abril e comemora a revolução em cada canto. 

Mais notícias sobre:
Município, Segurança