Intervenção social

Encontro "Lisboa em números" nos Paços do Concelho

16, Maio 2019
A sala de exposições dos Paços do Concelho, recebeu no dia 16 de maio, a conferência “Lisboa em números – Democratizar a informação, contribuir para as políticas públicas.”
  • Retratos de Lisboa - Lisboa em números
    Retratos de Lisboa - Lisboa em números

O encontro “Lisboa em números. Democratizar a informação, contribuir para as políticas públicas” teve como objetivo apresentar publicamente os resultados dos dados das infografias realizadas sobre a Demografia; (Des)Emprego; Habitação e Educação, e debater Lisboa em cada uma destas dimensões. Abordando a cidade que temos hoje e a cidade que queremos ter no futuro, aprofundamos o conhecimento e a divulgação de informação estatística sobre a realidade social multidimensional da pobreza na cidade de Lisboa. 

O encontro surge no âmbito de um protocolo de colaboração entre o município de Lisboa e o Observatório de Luta Contra a Pobreza na Cidade de Lisboa (OLCPL) - Rede Europeia Anti-Pobreza (EAPN-Portugal) e contou com a participação de mais de 100 pessoas. Debateram-se temas como: a cooperação na partilha de informação; a democratização da informação e a importância de transpor a informação quantitativa para uma linguagem visual acessível a todos, contribuindo para a democratização do conhecimento, para uma cultura de partilha de informação e de proposta e crítica fundamentada das políticas públicas neste domínio. 
                                                                                                                                                                                                                                                        
Na sessão de abertura, o vereador com o pelouro dos Direitos Sociais, Manuel Grilo, salientou o facto de por detrás dos números estarem acima de tudo as pessoas, para as quais são efetivamente necessárias respostas sociais e interinstitucionais mais eficazes e integradas. Adiantou ainda que o protocolo celebrado tem como objetivo estudar a pobreza e favorecer não apenas o conhecimento da realidade mas, sobretudo, fundamentar opções no âmbito das políticas locais.

O padre Agostinho Jardim Moreira, presidente da EAPN-Portugal/Rede Europeia Anti-Pobreza destacou a inegável importância de ter acesso e conhecimento sobre os números, nas diferentes dimensões, tendo sempre presente que conhecer os números por si só nunca é suficiente, sendo necessário um exercício de descodificar a informação tornando-os simples e compreensíveis a qualquer pessoa. 

Na mesa redonda, o vereador Manuel Grilo sublinhou os progressos realizados na intervenção municipal na área da Educação (apoio ao pré escolar), do reforço da rede pública de creches, do apoio social à população sem-abrigo, e da intervenção de redução de riscos junto da população com comportamentos aditivos e dependências. Foi ainda salientado pelo vereador substituto, Rui Franco, a importância da intervenção do município de Lisboa no domínio do acesso à Habitação, no contexto do Regulamento de Acesso à Habitação Municipal, dos Programas de Renda Convencionada, Renda Acessível  e de Subsídio Mensal de Arrendamento.

Com a renovação deste protocolo, pretende-se dar continuidade ao aprofundamento e disseminação do conhecimento sobre a realidade social de Lisboa, com novas infografias relativas a novas variáveis e indicadores sociais, melhorando o acesso a mais e melhor informação e dados trabalhados, mantendo atualizado o “Retrato de Lisboa em Números”, e  o “Diagnóstico Social de Lisboa”, com os parceiros da Rede Social, para um efetivo combate à pobreza e exclusão social na cidade e para a definição de uma “Estratégia Local Integrada de Combate à Pobreza em Lisboa”, baseada em 3 pilares fundamentais: Conhecimento; Comunicação e Governação.                                                                                                                                                                                                                                                

Mais informação aqui.

Mais notícias sobre:
Intervenção social