Educação

Saladas em Família

18, Junho 2017
No âmbito do Programa Alimentação Escolar – Crescer Saudável, teve lugar, no dia 18 de junho, no Pavilhão do Conhecimento – Ciência Viva, enquadrada na temática de uma das suas atuais exposições “Bom Apetite – A Ciência está no Prato” a atividade “Saladas em Família” que contou com a participação de 18 famílias compostas por uma criança e um adulto familiar, que prepararam e apresentaram as suas receitas de saladas saudáveis em simultâneo e ao vivo para posteriormente serem sujeitas a avaliação de um júri presencial. A vereadora da educação, Catarina Albergaria esteve presente.

O evento abriu com música e dança levado a cabo por alunos da Cross Mind Kids, parceira da iniciativa, e de seguida pais e filhos puderam dar aso à sua criatividade culinária. Na sala polivalente do Pavilhão do Conhecimento as mesas estavam já preparadas e os ingredientes à escolha das duplas participantes. 

Antes de começar, Catarina Albergaria deu as boas vindas e agradeceu a presença de todos e lembrando a importância da participação dos pais na educação formal e informal dos seus filhos de que esta iniciativa é prova, e desejou a todos uma boa concepção. 

As duplas tiveram 15 minutos para preparar as deliciosas saladas e dar a provar ao júri. Na dispensa, alguns ingredientes a evitar como maionese ou molhos processados desafiavam os participantes a procurar alternativas saudáveis. A criatividade das propostas não facilitou a vida ao júri que teve de levar o seu tempo a tomar uma decisão. Por fim, os três felizes vencedores foram revelados: Luís Alves com a salada "maquete", da EB de Santa Clara, com o primeiro lugar, o segundo coube a Diogo Cravo dom a sua salada "fantástica", da EB Luz/Carnide, e em terceiro ficou Carolina Carmo e a sua salada "fresca", também da EB Luz/Carnide. Finalmente, todos receberam prémios e puderam experimentar as várias saladas a concurso. 

A ideia foi fazer com que as receitas das saladas apresentadas fossem saudáveis, originais ou tradicionais, e que resultassem de um trabalho em família.

A iniciativa teve como objetivo incentivar o consumo de legumes e vegetais bem como promover o cozinhar em família, sendo esta uma atividade muito saudável e estimulante para as crianças, pois quando participam na preparação dos pratos ficam muito felizes, levando à vontade de experimentar comidas saudáveis e assim aprenderem bons hábitos alimentares.

O júri será composto por uma nutricionista da entidade parceira Movimento 2020, por um elemento da Direção Geral de Saúde e pelo também parceiro Chefe Nuno Queiróz Ribeiro.

O Programa de Alimentação Escolar – Crescer Saudável tem como finalidade promover a aquisição de hábitos alimentares saudáveis, proporcionando não só o acesso a uma alimentação de qualidade mas também promovendo e dotando a comunidade escolar com conhecimentos, capacidades e atitudes que lhes permitam adotar comportamentos e estilos de vida saudável.

Mais notícias sobre:
Educação