Início » Investir » Setores Estratégicos » Economia Criativa

ECONOMIA CRIATIVA

 

Um dos setores com maior potencial de crescimento futuro na cidade de Lisboa é o da Economia Criativa, entendida aqui como um setor económico determinante para a cidade, entrecruzando diferentes realidades económicas, socioculturais e tecnológicas, dinamizado por inúmeros atores em constante diálogo e transformação.

Estão a ser desenvolvidos processos interativos entre a iniciativa privada e pública que podem resultar em situações “win-win” desejando a Câmara Municipal de Lisboa tornar mais visível a dinâmica da economia criativa e continuar a fomentar a interação entre as suas próprias atividades com instituições privadas e outras entidades públicas.

 

BLUEPRINT ECONOMIA CRIATIVA

No dia 30 de maio, em Lisboa, foi apresentado o blueprint da Economia Criativa de Lisboa. Conheça o documento e veja como foi a apresentação. 

DESTAQUES

Get Together | Espaços Criativos

A Câmara Municipal de Lisboa organizou o primeiro Encontro de Hubs Criativos de Lisboa, para uma tarde de troca de ideias sobre Espaços Criativos na cidade. Esta é uma iniciativa enquadrada na 5ª Semana do Empreendedorismo de Lisboa  http://lisboastartupcity.pt/sel2016/​ e teve lugar no dia 3 de maio pelas 16h, no Centro de Inovação da Mouraria no âmbito do seu Open Day.

Notícias

 A poesia anda à solta pelas ruas e noites de Lisboa

Lisboa, outrora cidade de grandes tertúlias literárias e berço de alguns dos maiores poetas portugueses, é também hoje um local de revivalismo para a arte da palavra dita. São cada vez mais os locais da capital onde se declama poesia.

 

O mapeamento da economia criativa de Lisboa permitiu identificar três grandes segmentos criativos: os Serviços Criativos  – como a arquitetura, design e publicidade, as Indústrias Culturais  – como o cinema, vídeo, música, rádio, televisão e edição de livros, jornais e revistas e as Atividades Artísticas e Culturais  – como os espaços criativos, eventos, museus e bibliotecas e as artes performativas como a dança, teatro ou música. 

 Mapa dos Setores Estratégicos