Cultura e Lazer, Intervenção social

Banda desenhada reúne talento de jovens ilustradores

15, Dezembro 2018
Apresentado no Espaço Lx Jovem, Bairro do Armador em Marvila, Humanus” comemora o quinto aniversário da editora "Escorpião Azul" e reúne mais de trinta histórias em BD.

Um novo livro de Banda Desenhada foi apresentado no dia 15 de dezembro no espaço municipal LXJovem, em simultâneo com uma exposição de pranchas originais. “Humanus” é uma publicação da editora de BD “ Escorpião Azul”, conta com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa, através da Divisão para a Coesão e Juventude, e pretende dar a conhecer o trabalho e o talento de jovens ilustradores.

Trata-se de uma obra comemorativa dos cinco anos da “Escorpião Azul” como chancela de banda desenhada que publica maioritariamente autores lusos. Nela estão incluídos 37 autores entre desenhadores e argumentistas, desconhecidos e conhecidos, que contribuíram com 33 histórias de variados estilos para “dar à luz do dia esta coletânea que homenageia a banda desenhada no seu todo e que quer dar uma visão mais abrangente daquilo que hoje se faz em Portugal”, afirmou Jorge Deodato, editor da Escorpião Azul. 

Este livro conta com a participação dos autores: Rui Lacas, André Mateus, Filipe Duarte, Patrik Caetano, Susa Monteiro, Miguel Santos, Paulo Monteiro, Pepedelrey, Ricardo Lopes, Catarina Quintas, Mitsu, Fábio Veras, Álvaro, Derradé, Sharon Mendes, Rafael Sales, Jorge Deodato, Miguel Ángel Martín, Rita Alfaiate, Maf, Carlos Páscoa, Agonia Sampaio, João Vasconcelos, Joana Geraldes, Lança Guerreiro, Inês Garcia, João Monteiro, Catarina Teixeira, Mário Teixeira, Tiago Cruz, João Pinto, João Gordinho, Miguel Falcato e Picalima.

O Espaço LXJovem

E foi no Espaço Lx Jovem, localizado no Bairro do Armador, em Marvila, que a obra foi apresentada, um espaço que pretende ser um polo de criação e desenvolvimento de projetos de juventude na cidade de Lisboa. Disponiliza acesso gratuito a computadores e internet e conta com a sala de ensaios “João Aguardela”, em homenagem ao músico e compositor, que está equipada com vários instrumentos musicais para que jovens possam ensaiar e desenvolver os seus projetos musicais. Tem também uma pequena galeria para exposições, um auditório batizado com o nome de “Sam the Kid” (Samuel Mira), “um nome bastante conhecido do mundo hip-hop português” e “um filho deste bairro. 

A Escorpião Azul

Foi criada em 2013 pelo dinamismo empreendedor de Jorge Deodato e pela criatividade de Sharon Mendes. Afirma-se como uma micro editora independente, especializada em banda desenhada e pequenos contos ilustrados, que desde o início da sua atividade tem trabalhado no sentido de dar voz a obras e autores exclusivamente nacionais dos mais diversos estilos e origens. “Segunda Oportunidade”, de Geral e Derradé, foi o seu primeiro livro.

Jorge Deodato

Nasceu em Loures em 1968 e tem o Bacharelato em Novas Tecnologias da Produção pelo Instituto de Soldadura e Qualidade (ISQ). Participou em diversos concursos e exposições de Banda Desenhada como Amadora BD, Comicarte – Porto, Lisboa e Sobreda da Caparica. Publicou banda desenhada, ilustrações textos da especialidade no Banda (1987-93), de que foi co-editor, no Shock Fanzine, Café no Park (1992-93), Mercantologia, Mesinha de Cabeceira, bem como no álbum coletivo Entroncamento de BDs. Foi um dos sócios fundadores da Associação Jogo de Imagens que publicou a revista Azul BD Três e Azul. Fundou a Edições Polvo, Lda com o Rui Brito e o Pedro Brito (1997-2007). Cria a chancela Escorpião Azul em 2013.

Sharon Mendes

Nasceu em Toronto em 1992. Licenciou-se em Pintura pela Faculdade de Belas- Artes de Lisboa e tem participado desde 2012 em eventos e exposições colectivas. Em 2014 ilustra o livro juvenil “ A Batalha de Pedra”, seguido de ”Rafael o Montanhês” do escritor Gabriel Raimundo. Em 2015 publica o seu primeiro livro de banda desenhada “As Aventuras da Família de Craig” e nunca mais parou. Segundo esta autora, “Humanus” é uma obra que pretende retratar a parte mais humana das pessoas através da BD.