Início » Viver » Intervenção Social » Saúde » Serviços e recursos

Serviços e recursos

Lisboa conta com uma rede de equipamentos de saúde que responde à população do concelho, mas também a pessoas de outras áreas do país. No Concelho estão ainda sedeadas instituições de referência em muitos setores da medicina e um número considerável de entidades ligadas ao ensino e à investigação na Saúde.

A Autarquia, no âmbito das suas atribuições e responsabilidades, coopera com o Ministério da Saúde e entidades prestadoras de cuidados de saúde, bem como com outras entidades que têm interesse na promoção de respostas de saúde. A sua intervenção tem sido assumida principalmente ao nível dos cuidados de saúde primários, no sentido destes se situarem o mais próximo possível das comunidades.

AGRUPAMENTOS DOS CENTROS DE SAÚDE - ACES

Em Lisboa existem três Agrupamentos de Centros de Saúde –  Lisboa Norte (5 KB),  Lisboa Central (6 KB) e  Lisboa Ocidental (5 KB) e Oeiras. Os ACES são serviços de saúde com autonomia administrativa, constituídos por várias unidades funcionais, que integram um ou mais centros de saúde. Foram criados em 2008 através de legislação própria que sofreu alterações em Novembro de 2012.

Estes têm por missão garantir a prestação de cuidados de saúde primários à população de determinada área geográfica. Para tal desenvolvem atividades de promoção da saúde e prevenção da doença, prestação de cuidados na doença e ligação a outros serviços para a continuidade dos cuidados.

Os ACES podem compreender as seguintes unidades funcionais:

  • Unidades de Saúde Familiar (USF);
  • Unidades de Cuidados de Saúde Personalizados (UCSP);
  • Unidades de Cuidados na Comunidade (UCC);
  • Unidade de Saúde Pública (USP);
  • Unidade de Recursos Assistenciais Partilhados (URAP);


Os Conselhos da Comunidade são compostos por entidades representantes da comunidade, como a Segurança Social, as Escolas, as IPSS, os Representantes de Utentes, as Associações Sindicais, entre outras, competindo-lhes participar na gestão dos cuidados de saúde primários, alertar para os factos relevantes de deficiências graves na prestação de cuidados de saúde, propor ações de educação, promoção da saúde e combate à doença.

CENTROS HOSPITALARES

No Concelho de Lisboa existem três centros hospitalares – Lisboa Norte, Lisboa Central e Lisboa Ocidental que divididos por área geográfica, agregam diferentes hospitais. Estes têm por missão prestar cuidados de saúde diferenciados, em articulação com as demais unidades prestadoras de cuidados de saúde integradas no Serviço Nacional de Saúde (SNS). Existe ainda o  Centro Hospitlar Psiquiátrico de Lisboa.

 Centro Hospitalar Lisboa Norte que  abrange os hospitais:

 

 Centro Hospitalar Lisboa Central que abrange os hospitais:

 

 Centro Hospitalar Lisboa Ocidental que abrange os hospitais:

 

Sem integrarem nenhum dos centros hospitalares existem o  Instituto Português de Oncologia de Lisboa, Francisco Gentil e o  Instituto de Oftalmologia Dr. Gama Pinto que são também unidades hospitalares públicas.
Lisboa dispõe também de vários estabelecimentos hospitalares privados, bem como, de hospitais militares.

FARMÁCIAS

O Concelho de Lisboa conta com uma rede de farmácias que respondem às necessidades dos munícipes, 24 horas por dia, 365 dias por ano. Estas são unidades enquadradas no sistema nacional de prestação de cuidados de saúde, com direção técnica permanente de farmacêuticos que se responsabilizam pelo aconselhamento sobre o uso racional e seguro dos medicamentos e a monitorização dos doentes.

 

Na página da  Associação Nacional das Farmácias pode consultar a listagem das farmácias existentes no concelho de Lisboa, bem como ter informação diária sobre as farmácias de serviço.

INSTITUIÇÕES PARTICULARES DE SOLIDARIEDADE SOCIAL

As instituições particulares de solidariedade social com objetivos de saúde, segundo a Lei de Bases da Saúde, intervêm na ação comum a favor da saúde coletiva e dos indivíduos. Estas podem ser subsidiadas financeiramente e apoiados tecnicamente pelo Estado e pelas autarquias locais.

 

O Concelho de Lisboa dispõe de uma rede significativa de instituições de solidariedade social que em diferentes setores, procuram responder às necessidades da população.

 

Pode consultar uma  lista de instituições (25 KB) não exaustiva que se encontra em actualização permanente.

LINHAS DE EMERGÊNCIA E APOIO

As  linhas de Saúde (16 KB), geralmente gratuitas, são serviços prestados por profissionais que respondem a situações de emergência ou de apoio.