Início » Viver » Ambiente » Biodiversidade

Biodiversidade

Lisboa é uma cidade com clima temperado, com invernos amenos e chuvosos e verões quentes e sem chuva, sendo por isso uma região com características ótimas para acolher uma diversidade de espécies quer vegetais quer animais.

Não obstante as características urbanas, a existência do rio Tejo e do seu riquíssimo estuário, do ecossistema Florestal de Monsanto e a proximidade do mar são determinantes para a grande diversidade de espécies animais e vegetais que se podem observar na cidade. A Biodiversidade, entendida como o resultado da qualidade do funcionamento dos ecossistemas, é uma aposta de Lisboa, quer através da implementação de uma rede de corredores verdes que liga de forma contínua diversos espaços verdes existentes e variados propostos, rede essa consagrada desde 2012 no Plano Diretor Municipal, quer através de um conjunto de políticas de criação de uma maior naturalização dos espaços.

É importante conhecer as características e o valor das espécies animais e vegetais existentes em Lisboa, para ajudar a conservá-las, assim como é importante utilizar os espaços verdes da cidade (respeitando as suas regras de utilização) pois só assim estaremos a contribuir para o enriquecimento ecológico da nossa cidade.

Por outro lado, com os Descobrimentos e o contacto com outras culturas, foram trazidas para Portugal, em especial para Lisboa, espécies de quase todo o mundo: é por isso normal encontrar belos exemplares de Jacarandás do Brasil, Palmeiras das Canárias, Tipuanas da América do Sul, Grevíleas da Austrália, Magnólias dos Estados Unidos, Camélias da China, etc.

Um dos projetos estratégicos mais importantes no que diz respeito à Biodiversidade iniciou-se em 2010, Ano Internacional da Biodiversidade, quando foi estabelecido um Protocolo de Cooperação entre a CML, a Lisboa E-Nova e o Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas, com o objetivo de aumentar o potencial de biodiversidade de Lisboa em 20%, até 2020. Neste sentido, foi realizada uma caracterização da situação de referência e elaborada a publicação BIODIVERSIDADE NA CIDADE DE LISBOA - UMA ESTRATÉGIA PARA 2020.

Este documento técnico reúne e integra as várias componentes da biodiversidade em Lisboa, definindo o perfil da Cidade, caracterizando a Biodiversidade Urbana e estabelecendo a respetiva Matriz de Indicadores de Biodiversidade Urbana. Esta publicação incluiu também uma estratégia para a biodiversidade em Lisboa.

Lisboa procurou, assim, ser pioneira no estabelecimento de estratégias e metas para esta relevante área de atuação. Inscrito no quadro das orientações estabelecidas na Carta Estratégica de Lisboa 2010/2014 e no Plano Verde Municipal, o Projeto Biodiversidade Lisboa 2020, enquadra-se ainda nas premissas internacionais da Convenção sobre Diversidade Biológica (CDB) e do mecanismo adotado por ocasião da 10ª Conferência das Partes da CDB, o Plano de Ação para as Cidades, Autoridades Locais e Biodiversidade - 2011/2020.

Abelha (Apis mellifera)
Medronho (Arbutus unedo)
Nenúfar (Nymphaea alba)
Chapim-real (Parus major)

Biodiversidade na cidade de Lisboa - Uma estratégia para 2020

Clique na imagem para aceder à publicação